Passe o mouse para ampliar
Apostila SEDUC-RS 2013 - Comum aos Cargos de Professor
Apostila SEDUC-RS 2013 - Comum aos Cargos de Professor Apostila SEDUC-RS 2013 - Comum aos Cargos de Professor Apostila SEDUC-RS 2013 - Comum aos Cargos de Professor Apostila SEDUC-RS 2013 - Comum aos Cargos de Professor

Apostila SEDUC-RS 2013 - Comum aos Cargos de Professor

Código: ANSEDUCRS-01
Por: R$ 39,90
Digite seu CEP:   

 

(384 PÁGINAS)

Conteúdo:

 

LÍNGUA PORTUGUESA

Interpretação e compreensão global de texto.
Tipologia do texto:informativo, narrativo, descritivo, literário,argumentativo.
Vocabulário: sentido e substituição de palavras e de expressões no texto.
Sinônimos, antônimos, polissemia.
Homônimos e Parônimos.
Estruturação do texto e dos parágrafos.
Recursos de coesão e coerência textual.
Informações literais e inferências.
Significação contextual de palavras e expressões: denotação e conotação.
Figuras de linguagem.
Ortografia: Sistema oficial vigente.
Relações entre fonemas e grafias, acentuação gráfica.
Tonicidade.
Formação de palavras: prefixos e sufixos.
Morfologia: Estrutura e formação de palavras.
Classes de palavras e seu emprego.
Flexão nominal de gênero e número.
Flexão verbal: verbos regulares e irregulares.
Vozes verbais.
Emprego de modos e tempos verbais.
Emprego dos pronomes pessoais e das formas de tratamento.
Emprego do Pronome Relativo.
Emprego das conjunções e das preposições.
Colocação pronominal.
Sintaxe: Funções sintáticas de termos e orações.
Processos de coordenação e de subordinação.
Construção do período.
Nexos semânticos e sintáticos.
Equivalência e transformação de estruturas.
Concordância nominal e verbal.
Regência nominal e verbal.
Emprego da crase.
Emprego dos sinais de pontuação.

CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS

A prática docente e a gestão escolar como fator de aperfeiçoamento do trabalho coletivo.
Prática profissional e projeto educativo: os professores, suas concepções e opções didático-pedagógicas.
O currículo e a globalização do conhecimento: impasses e polêmicas entre conteúdo e metodologia na sala de aula.
A avaliação e o processo de ensino e aprendizagem: em busca de uma coerência e integração.
O processo de avaliação do desenvolvimento e do desempenho escolar como instrumento de análise e de acompanhamento, intervenção e reorientação da ação pedagógica e dos avanços da aprendizagem dos alunos.
O cotidiano escolar: A construção de valores de uma vida cidadã que possibilita aprender e socializar saberes, desenvolver atitudes cooperativas, solidárias e responsáveis;
A ação coletiva e o diálogo com a comunidade educativa como fator de fortalecimento institucional para a promoção da cidadania;
A construção coletiva da proposta pedagógica da escola: demandas sociais, das características multiculturais e das expectativas dos alunos e dos pais, como fator de aperfeiçoamento da prática docente e da gestão escolar.
Desenvolvimento e Sustentabilidade: caminho possível? Os Problemas Ambientais de dimensão global.
Educação e diversidade sociocultural.
A inclusão da pessoa com deficiência.
Organização dos tempos e espaços escolares.
A infância como tempo de formação.
A adolescência como tempo de formação.
A experiência social dos alunos e o cotidiano.
Saberes e práticas voltadas para o desenvolvimento de competências cognitivas, afetivas, sociais e culturais;
A biodiversidade brasileira: as diferenças culturais, econômicas, miscigenação e a diversidade territorial.
A linguagem e os códigos cartográficos.
A Educação e as Novas Tecnologias da Informação e da Comunicação: Ensinar na era da Informação;
A formação do profissional da educação: conceitos e dimensões.
Gestão Escolar para o sucesso do ensino e da aprendizagem.
A escola como espaço de formação continuada e de aperfeiçoamento profissional;
O desenvolvimento curricular: Planejamento da ação didática e o Projeto Pedagógico;
Desenvolvimento e crise ambiental: O dilema da sociedade moderna.
Questão ambiental e política internacional: Posicionamentos e divergências.
Concepção sobre os processos de desenvolvimento e aprendizagem;
Organização dos conteúdos de aprendizagem;.
Finalidades da educação.
Cidadania no mundo globalizado

Bibliografia:
ALARCÃO, Isabel. Professores reflexivos em uma escola reflexiva. São Paulo: Cortez, 2003.
CARVALHO, Rosita Edler. Educação Inclusiva: com os “pingos nos is”. Porto Alegre, Mediação, 2004, Capítulo 10.
CASTORINA, J.A. et alii. Piaget e Vigostsky - novas contribuições para o debate. São Paulo: Ed Atica, 2001.
FAZENDA, I. C. A. Integração e interdisciplinaridade no ensino brasileiro: efetividade ou ideologia? São Paulo: Loyola, 1979.
________. Práticas Interdisciplinares na Escola. 2ª Edição, São Paulo: Cortez, 1993.
________. Interdisciplinaridade: História, teoria e pesquisa. Campinas, SP. Papirus,1994.
________. A virtude da força nas práticas interdisciplinares. Campinas, SP. Papirus,1999.
FREIRE, PAULO. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa, RJ: Paz e Terra, 2000.
FREITAS, Luiz Carlos de. Ciclos, Seriação e Avaliação: Confrontos de Lógicas, SP, Moderna, 2003.
GONÇALVES, Luiz Alberto Oliveira & SILVA, Petronilha Beatriz Gonçalves. O jogo das diferenças: o multiculturalismo e seu contextos. Belo Horizonte; Autêntica, 3ª Ed., 2001
HADJI, C. Avaliação desmistificada. Porto Alegre: Artmed, 2001.
HOFFMANN, Jussara. O jogo do contrário em avaliação. Porto Alegre: Mediação, 2005.
KAHHALE, Edna M.P. A diversidade da psicologia : uma construção teórica. São Paulo:Cortez, 2002

Índice

LIBÂNEO, José Carlos. Organização e Gestão da Escola - Teoria e Prática. Editora Alternativa. 5 edição. Goiânia.

LOURO, Guacira Lopes (org). Corpo, Gênero e Sexualidade: um debate contemporâneo na Educação, Petrópolis
RJ: Vozes, 2003.
MACEDO, LINO. Ensaios Pedagógicos: Como Construir uma Escola Para Todos, Porto Alegre, Artmed, 2005.
MORIN, E. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. Rio de Janeiro: Bertrand, 1999.
MUNANGA, Kabengele e GOMES, Nilma Lino. Para entender o negro no Brasil: Histórias, realidades, problemas e Caminhos. São Paulo: Global Editora e Ação Educativa, 2004.
OLIVEIRA, Zilma. O desenvolvimento da motricidade, linguagem e cognição. Educação Infantil: Fundamentos e Métodos. Ed. Cortez, 2002.
PERRENOUD, Phillipe. Dez novas competências para ensinar: convite à viagem. Porto Alegre: Artmed, 2000.
SACRISTÁN J.GIMENO, Compreender e Transformar o Ensino, 4ª Ed. Artmed, Porto Alegre, 2000.
SANTOS, Milton. Técnica, espaço, tempo: globalização e meio técnico-científico informacional. São Paulo: Hucitec, 1997.
VASCONCELLOS, Celso S. Vasconcellos. Planejamento - Avaliação da aprendizagem: Práxis de mudança - Por uma práxis transformadora, São Paulo: Libertad, 2003.
VYGOTSKY, L.S. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2001.
VYGOSTSKY, L. S. Construção Social da Mente. São Paulo: Martins Fontes, 2002.
WEISZ,Telma. O diálogo entre o ensino e a aprendizagem. São Paulo, Ática 2000.
ZABALA, Antoni, Enfoque Globalizador e Pensamento Complexo - Uma proposta para o currículo escolar, Artmed 2002.
ZABALA, A. A prática educativa- como ensinar. Porto Alegre, Artmed, 1998.

LEGISLAÇÃO

LEGISLAÇÃO FEDERAL EDUCAÇÃO BÁSICA:
Constituição da República Federativa do Brasil –promulgada em 5 de outubro de 1988, Artigos 5°, 37 ao 41, 205 ao 214, 227 ao 229, e suas atualizações.
Lei Federal n.° 8.069, de 13/07/90 - Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente, Artigos 53 a 59 e 136 a 137.
Lei Federal n.° 9.394, de 20/12/96 - Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional.
Parecer CEED/RS nº 323/99 – Diretrizes Curriculares do ensino Fundamental e do Ensino Médio para o Sistema Estadual de Ensino.
Lei Federal 10.436, de 24/04/02 - Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - LIBRAS.
Lei Federal nº 10.793, de 01/12/03 - Altera a redação do art. 26, § 3º, e do art. 92 da Lei 9.394/96, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional;
Lei Federal n.° 10.639 de 2003. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir no currículo oficial da Rede de Ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira”.
Lei Federal nº 11.114, de 16/05/05 - Altera os artigos 6º, 30, 32 e 87 da Lei 9.394/96, com o objetivo de tornar obrigatório o início do ensino fundamental aos seis anos de idade.
Lei Federal nº 11.274, de 06/02/06 - Altera a redação dos artigos 29, 30, 32 e 87 da Lei nº 9.394/96, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional, dispondo sobre a duração de 9 (nove) anos para o ensino fundamental, com
matrícula obrigatória a partir dos 6(seis) anos de idade.
Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação Básica.
Lei nº 6.672/74 – Estatuto e Plano de Carreira do Magistério Público do Rio Grande do Sul.


* A Loja Tudo Para Concursos reserva-se o direito de verificar as informações de cadastro, sob pena de recusar ou cancelar o mesmo.
* Desconto promocional válido temporariamente ou enquanto durarem os estoques.
* Os preços, descontos e promoções podem ser alterados e/ou finalizados sem aviso prévio.
* Para compras faturadas é necessária análise prévia de cadastro.
* Para compras de produtos em Pré-Venda a data entrega do Pedido, caso este contenha itens a pronta-entrega, estará vinculada a data de lançamento do produto em Pré-venda.

Valid XHTML 1.0 Strict